TopTripBlog

O milagre no deserto, EAU 40 anos!!! 02/12 /2011

Postado por: raquel em 28/nov/2011 | Sem Comentários

Emirados Árabes Unidos, o país árabe que transforma jovens de 40 anos, continua a ser um exemplo para outros países da região – e do mundo.
Como os Emirados Árabes Unidos comemora seu aniversário de 40 anos, é um momento de orgulho não apenas para o povo desta nação jovem. Tornou-se uma espécie de inspiração para toda a região do Golfo e no mundo árabe.

Talvez nenhum país na história tenha realizado e conseguido tanto em tão pouco tempo.

O Pais oferece muito conforto e segurança que oferece os Emirados Árabes Unidos, juntamente com a infra-estrutura de classe mundial.

No entanto, quando a sua estoria começou em 2 de dezembro de 1971 – há 40 anos – nada disso existia. Os Emiratis nao tinham muito com o que contar, mas tinha uma crença inabalável em si mesmos.

Até então, os sete shaikhdoms de Abu Dhabi, Dubai, Sharjah, Ras Al Khaimah, Fujairah, Ajman e Umm Al Quwain estavam sob a sombra dos britânicos e eram conhecidos como os Estados da Trégua. Reuni-los para formar um novo país e nação foi realmente uma façanha hercúlea. Mas o mais notável foi, de longe, o sucesso e o progresso alcançado após o surgimento da federação.

Sem sombra de dúvida, foi a visão e a liderança dos “arquitetos da federação” – o presidente-fundador, Shaikh Zayed Bin Sultan Al Nahyan, de Abu Dhabi, e o primeiro-ministro primeiro, vice-presidente xeique Rashid Bin Saeed Al Maktoum de Dubai – que tornou isso tudo possível. Eles transformaram o que  não era mais do que um punhado de aldeias de pescadores e postos de comércio no deserto em um país próspero, pacífico e moderno, que hoje goza de influência geopolítica extraordinária, seu tamanho minúsculo e pequena população, não obstante.

Espírito de colaboração

Eles demonstraram ao mundo o poder da unidade em ação. Hoje, o PIB dos Emirados Árabes Unidos e a renda per capita estão em pé de igualdade com os países mais ricos do Ocidente. Se alguma vez houve um milagre no deserto, esse foi um deles!!!

Foi sua política previdente e, juntamente com a sua preocupação e amor por seu povo, que fez os Emirados Árabes Unidos que é hoje. É esse espírito de colaboração que permitiu ao país de permanecer inalterado em uma região conturbada.

Enquanto as pessoas em outras partes do Oriente Médio têm sido desejo de princípios como a dignidade, direitos e liberdade política e econômica, o Emiratis têm vindo a desempenhar um papel decisivo no desenvolvimento e progresso de sua nação.

É essa harmonia política e tolerância que têm atraído profissionais de classe mundial em todo o mundo, tornando os Emirados Árabes Unidos um caldeirão multicultural verdadeiramente uma nação e, sem dúvida, um dos melhores lugares na terra para trabalhar .

Esta marcha constante de progresso continuou sob a liderança atual do Presidente, Sua Alteza Sheikh Khalifa Bin Zayed Al Nahyan e Sua Alteza Shaikh Mohammad Bin Rashid Al Maktoum, Vice-Presidente e Primeiro Ministro dos EAU e Governante de Dubai. Esta segunda geração de liderança manteve-se fiel à visão do primeiro: investir em infra-estrutura e nas pessoas.

Enquanto apaixonadamente defendendo causas árabes e muçulmanos, o país saiu de seu caminho para manter relações amigáveis com todos na região e além.

Isso, novamente, é um legado de Shaikh Zayed, que, ao lado de meu país, a Arábia Saudita, teve uma abordagem pró-ativa para questoes árabe-muculmanas, nomeadamente a expropriação palestina, a unidade árabe e islâmico, e estendendo a mão aos povos do Afeganistão e nos Balcãs quando enfrentaram a agressão e opressão.

Os Emirados Árabes Unidos estiveram sempre com os palestinos, ajudando-os economicamente, politicamente e emocionalmente. Foi Shaikh Zayed que se juntou com o falecido rei Faisal da Arábia Saudita, quando ele deu o passo extraordinário de desligar o fornecimento de petróleo em protesto contra a agressão israelense. Foi uma jogada corajosa perante os desafios que os árabes enfrentaram na época.

O que mais me anima é preocupação constante dos Emirados Árabes Unidos para a unidade árabe e muculmana. Seja sobre a questão da Palestina ou as guerras no Iraque e no Afeganistão, o país sempre esteve lá, tentando o seu melhor para resolver conflitos e promover a paz. A mesma abordagem foi seguida nas suas relações com seus vizinhos, saindo de seu caminho para resolver questões de forma pacífica e amigavelmente.

A disputa com o Irã sobre a questão das três ilhas – o Tunbs Maior e Menor e Abu Mousa – continua ainda viva.

Apesar das repetidas provocações iranianas, os Emirados Árabes Unidos continuam a manter contenção notável e relações normais com Teerã.

Como este milagre no deserto faz 40 anos de idade, a audácia de sua visão continua de tirar o fôlego. Parece não haver limite para as suas ambições e planos. O futuro parece nos reservar algo ainda  melhor!!

Com seu otimismo exuberante, os Emirados Árabes Unidos serve como um exemplo brilhante para outros países da região e para mais longe. Isso demonstra que os sonhos, mesmo o impossível, podem se tornar realidade – desde que você realmente acreditar neles e trabalhar para torná-los realidade.

Feliz aniversário UAE!

Nova mesquita atrae 2.000 fieis no dia em que abre suas portas

Postado por: raquel em 30/jul/2011 | Sem Comentários

Mais de 2.000 homens, mulheres e crianças lotaram a mais nova mesquita da cidade (Farooq Omar ibn Al Khattab Mesquita), na 1ª sexta-feira de orações Farooq Dubai, Omar Al Ibn Al Khattab Mesquita

O centro da mesquita islâmica foi oficialmente inaugurado ontem na presença de fiéis e dignitários.

“A mesquita não é apenas um lugar de oração e de adoração”, disse o Dr. Omar Mohammad Khateeb, o vice-diretor do departamento de Assuntos Islâmicos e Atividades de Caridade em Dubai. “Esta mesquita tem 100% da funcionalidade esperada de uma mesquita, incluindo salas de aula, salas de leitura e uma biblioteca.”

Financiada pelo empresário Khalaf Al Habtoor é uma das maiores mesquitas do Emirados Árabes Unidos.

A nicho principal da mesquita e as abóbadas sao decorados com versículos do Alcorão e caligrafia islâmica projetada por uma equipe de artesãos de Marrocos.

Segundo o designer da mesquita, Mohammad Anwar, as inscrições de estilo otomano utilizadas foram inspiradas na Mesquita Azul de Istambul, ao qual foi adicionado um “toque andaluz”.

“Arte andaluza é uma arte islâmica e do património humano que deve ser preservada, estas inscrições foram esculpidas à mão por artesãos da cidade de Fez, no Marrocos, que é a fortaleza do património andaluz”, disse ele.

“O design da mesquita foi definido em projeto em dois meses e implementado em 10″, disse ele.

A mesquita é a  3ª do País a abrir as suas portas aos não-muçulmanos após a Mesquita Sheikh Zayed Grande em Abu Dhabi e a Mesquita de Jumeirah.

“Nossa missão é promover ao público a compaixão clemência e tolerância do Islã com foco em direitos humanos e cultura árabe e do património”, disse Abdel Malek Abdel Khalek, gerente do Centro Islâmico da Mesquita.

Emirados Arabes divulga horarios de funcionamento de orgaos publicos e setores privados para o mês do Ramadã’2011

Postado por: raquel em 27/jul/2011 | Sem Comentários

Os departamentos publicos e ministérios do Pais terão suas jornadas de trabalho reduzidas para o período das 9h até duas horas durante o mês sagrado do Ramadã.

Ja no setor privado o turno será reduzido de oito para seis horas durante todo o mês sagrado do Ramadã, sem afetar os salários dos funcionários.
O conhecido astrônomo, Ebrahim al-Jarwan, previu que o mês sagrado do Ramadan terá início em 01 de agosto e vai durar 30 dias.

De acordo sua previsao, o  ”Hilal ‘do Ramadã (lua crescente) se dará no dia 30 de julho as 21 horas e 23 minutos. “Nos Emirados Árabes Unidos vai ser difícil para a visão da lua, mas com certeza, Ramadan terá início em 01 de agosto”, disse Al Jarwan.

“O mês de jejum acontece do amanhecer ao anoitecer para os muçulmanos, vai durar 30 dias este ano. Isto significa que o Eid Al Fitr será em 31 de agosto”.

Durante o Ramadã, os muçulmanos se abstêm de comida, bebida e prazeres sensuais de pouco antes do nascer do sol ate o por do sol e são obrigados a se concentrar em seu relacionamento com Deus.

Copyright 2012 TopTripDubai. Todos os direitos reservados.

Custom by Raphamaster